TCE-PE abrirá auditoria para apurar descarte irregular de lixo em Ouricuri, PE

Descarte irregular de lixo é um problema sério que pode causar danos à saúde da população e ao meio ambiente ...
TCE-PE abrirá auditoria para apurar descarte irregular de lixo em Ouricuri, PE

O Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE) vai abrir uma auditoria para apurar irregularidades no descarte do lixo por parte da prefeitura de Ouricuri, no sertão do estado. A decisão foi tomada pela Segunda Câmara do TCE, na última quinta-feira (25).

A investigação foi motivada por denúncias de que o antigo lixão a céu aberto do município estava sendo reativado. Os auditores da TCE inspecionaram o local e constataram as irregularidades. Além do acúmulo de dejetos, também havia a presença de catadores de material reciclável no local.

Uma medida cautelar foi emitida pelo conselheiro Valdecir Pascoal determinando ao prefeito Ricardo Ramos de Ouricuri que suspenda o descarte dos resíduos sólidos em locais inapropriados.

A auditoria vai apurar as responsabilidades pelos atos irregulares, bem como a adoção de medidas para regularizar o descarte do lixo em Ouricuri.

O descarte irregular de lixo é um problema sério que pode causar danos à saúde da população e ao meio ambiente. O acúmulo de lixo pode gerar a proliferação de vetores transmissores de doenças, como moscas, mosquitos e ratos. Além disso, o lixo pode contaminar o solo e a água, prejudicando a qualidade de vida das pessoas e do meio ambiente.

A auditoria do TCE é importante para garantir que o prefeito do município de Ouricuri, Ricardo Ramos, tome as medidas necessárias para resolver o problema do descarte irregular de lixo.

Por Charles Araújo

Categorias
DestaqueFiscalizaçãoOuricuri

Acadêmico de Jornalismo, comunicador, blogueiro, assessor de Imprensa, trabalha com marketing digital, digital influencer, publicidade, fotografia e divulgações.
Sem Comentários

Publicar comentário

*

*

Pesquisa
Charles Araujo Editor