Santa Filomena: Como foi a votação das Contas de Gildevan e Cleomatson na Câmara

Política sem cessar...
Santa Filomena: Como foi a votação das Contas de Cleomatson e Gildevan na Câmara
Fotomontagem: Prefeito Gildevan, ex-prefeito Cleomatson. EDIÇÃO: 21/12/2021 ÀS 15:16
Compartilhe em sua rede social:

Santa Filomena é a cidade mais nova e de maior embate político no Sertão do Araripe. Prova disso foi o resultado das contas do ex e atual prefeito Gildevan (PSD) e do ex-prefeito Cleomatson (PSB), que foram votadas nesta segunda (20) na Câmara Municipal.

Na Câmara de Santa Filomena, o prefeito Gildevan conta com maioria simples dos vereadores. No total são nove (9). Cinco de situação e quatro de oposição.

Contas votadas

  • Exercício 2015 da gestão passada do prefeito Gildevan Melo;
  • Exercícios 2017 e 2019 do ex-prefeito Cleomatson Vasconcelos.

Ambas tiveram parecer prévio do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE) favorável à aprovação.

Como votaram os vereadores

Nas contas de Gildevan votaram pela aprovação os vereadores Adelvan, Wallace, Erinho, Edvaldo e Tico. Votaram contra Ailton, Valdir, Reisinho e Geandro (5×4); aprovadas.

Nas contas de Cleomatson votaram pela aprovação os vereadores Geandro, Reisinho, Ailton, Valdir, Adelvan e Erinho. Votaram contra Wallace e Edvaldo (7×2); aprovadas.

Conforme a legislação atual, quando contas de prefeito chegam à Câmara com parecer favorável pelo TCE, para aprovar, é necessário apenas maioria simples de votos dos vereadores (metade mais um).

A sessão extraordinária não foi divulgada e portanto, não houve registro pela imprensa. As informações deste post são obtidas de uma fonte do Portal.

Entenda os votos

Votaram para aprovar as contas de Gildevan apenas os cinco (5) vereadores aliados da base governista: Wallace, Adelvan, Erinho, Edvaldo e Tico. Já nas contas do ex-prefeito Cleomatson votaram os quatro vereadores de oposição: Geandro, Ailton, Reisinho e Valdir; e mais dois de situação: Erinho e Adelvan.

Briga política

Entenda porque Santa Filomena é vista como a cidade do Araripe onde a briga política fala mais alto do que o convencional bom senso existente na política no resto do País. Geralmente vereadores não votam pela reprovação de contas de prefeito com parecer prévio do TCE favorável à aprovação. Na extraordinária de 20/12 para votação das contas dos exercícios 2015, 2017 e 2019, quem estava em desvantagem era o ex-prefeito Cleomatson, que não tem maioria dos vereadores. Os vereadores Erinho e Adelvan votaram a favor das contas do principal líder de oposição. Os quatro vereadores de oposição acharam justo votarem contra as contas de Gildevan. O que pode ser visto como ingratidão.

Vingança

O comportamento desnecessário de disputa política na Câmara pode resultar em vingança no futuro, Cleomatson sendo o principal prejudicado. Afinal ainda faltam chegar a Câmara, duas de suas contas (2018 e 2020). Sem maioria dos votos, se o Tribunal emitir parecer desfavorável, ele pode ter contas reprovadas e perder seus direitos políticos por oito anos. Na realidade, esses fatos cada vez mais evidenciam que, muitos políticos de Santa Filomena nunca descem dos palanques.

Por Charles Araújo

Categorias
DestaquePolítica

Artigos e colunas do blog e de outros outores

Comentários via Facebook