Garantia-Safra deve beneficiar mais de 197 mil agricultores familiares na safra 2019/2020

Compartilhe em sua rede social: Neste mês, produtores de oito estados diferentes devem receber os recursos; o montante autorizado chegará a mais de R$ 168 milhões O ministério da Agricultura...
Garantia-Safra deve beneficiar mais de 197 mil agricultores familiares na safra 2019/2020
Compartilhe em sua rede social:

Neste mês, produtores de oito estados diferentes devem receber os recursos; o montante autorizado chegará a mais de R$ 168 milhões

ministério da Agricultura (Mapa) informou que 197 mil agricultores familiares devem receber o benefício do Garantia-Safra referente à safra 2019/2020. A portaria que determina o pagamento foi publicada nesta segunda-feira, 18, pela ela Secretaria de Política Agrícola do ministério

O Mapa informou que neste mês, receberão o pagamento agricultores de Alagoas, da Bahia, do Ceará, Maranhão, de Minas Gerais, da Paraíba, de Pernambuco e do Piauí. O montante autorizado chegará a mais de R$ 168 milhões.

Diante do cenário imposto em relação a pandemia da Covid-19, será mantida, de forma excepcional, a antecipação do pagamento das parcelas do benefício Garantia-Safra, na safra 2019/2020. O pagamento será feito integralmente em parcela única de R$ 850.

O que fazer se o benefício estiver bloqueado?

Com a disponibilização do serviço “Solicitar Requerimento de Defesa após Bloqueio do Benefício Garantia-Safra”, na plataforma gov.br, os agricultores que tiveram a concessão do benefício bloqueado nos municípios autorizados a efetuar o pagamento em janeiro deste ano, devem cumprir as orientações dispostas na Portaria Nº 25, de 8 de julho de 2020 para regularização do benefício.

Caso o benefício esteja bloqueado, o agricultor deve acessar o seu perfil no Sistema de Gerenciamento do Garantia-Safra, neste link e verificar o motivo do bloqueio por meio da notificação que consta no perfil. O agricultor terá até 30 dias, após a publicação da Portaria que autoriza o pagamento do benefício, para se manifestar quanto o bloqueio.

A relação dos agricultores com benefício bloqueado, de forma cautelar, será encaminhada pelas coordenações estaduais aos gestores municipais.

Fonte: Canal Rural

Categorias
DestaqueEconomiaRural
Redação/Ascom

Matérias de autoria independente (instituições e agências de notícias).

Comentários via Facebook

POSTS RELACIONADOS