Cidades do interior de Pernambuco terão apenas serviços essenciais a noite (20h às 5h), a partir desta sexta-feira (26)

Compartilhe em sua rede social: Nos finais de semana, o horário restrito será das cinco da tarde até as cinco da manhã, medidas seguem até o próximo dia 10...
Cidades do interior de Pernambuco terão apenas serviços essenciais a noite (20h e 5h), a partir desta sexta-feira (26)
Santa Filomena (PE) - Foto: Charles Araújo / DJI Phantom
Compartilhe em sua rede social:

Nos finais de semana, o horário restrito será das cinco da tarde até as cinco da manhã, medidas seguem até o próximo dia 10 de março, nos municípios das Gerências Regionais de Saúde de Caruaru, Limoeiro e Ouricuri

O Governo de Pernambuco, após análise do Gabinete de Enfrentamento à Covid-19, determinou que, a partir da próxima sexta-feira (26) até o dia 10 de março, todas as atividades econômicas e sociais estarão proibidas entre 20h e 5h, nos 63 municípios das II, IV e IX Gerências Regionais de Saúde (Geres) com sede em Limoeiro, Caruaru e Ouricuri, respectivamente. Nos próximos dois finais de semana, as atividades estarão proibidas entre 17h e 5h, quando apenas serviços essenciais poderão continuar abertos.

O anúncio foi feito pelo governador Paulo Câmara, em pronunciamento, nesta terça-feira (23). Os números crescentes da pandemia e a lotação acima de 90% dos leitos nessas Geres justificam a medida de restrição. “A nova aceleração da doença tem superlotado os sistemas de saúde e vem repetindo o mesmo caminho de 2020, começando pelos estados do Norte e, agora, chegando com força ao Nordeste”, apontou o governador.

Além disso, foi anunciado também que a proibição de eventos será prorrogada por mais 15 dias. Essa decisão vale para todo o Estado. Já o retorno das aulas nas escolas públicas municipais seguirá suspenso até o dia 12 de março.

O governador reforçou que o Estado segue monitorando diariamente os números. “Caso o índice de ocupação de leitos de UTI permaneça subindo, teremos que tomar medidas ainda mais duras nos próximos dias”, explicou Paulo Câmara. Segundo o gestor estadual, durante os 11 meses de luta contra o vírus, Pernambuco fez a segunda maior rede de UTIs do país, com leitos no Recife e em mais 15 cidades, do litoral ao Sertão.

II GERES

Municípios (20): Bom Jardim, Buenos Aires, Carpina, Casinhas, Cumaru, Feira Nova, João Alfredo, Lagoa de Itaenga, Lagoa do Carro, Limoeiro, Machados, Nazaré da Mata, Orobó, Passira, Paudalho, Salgadinho, Surubim, Tracunhaém, Vertente do Lério, Vicência.

IV GERES

Municípios (32): Agrestina, Alagoinha, Altinho, Barra de Guabiraba, Belo Jardim , Bezerros, Bonito, Brejo da Madre de Deus, Cachoeirinha, Camocim de São Felix, Caruaru, Cupira, Frei Miguelinho, Gravatá, Ibirajuba, Jataúba, Jurema, Panelas, Pesqueira, Poção, Riacho das Almas, Sairé, Sanharó, Santa Cruz do Capibaribe, Santa Maria do Cambucá, São Bento do Uma, São Caetano, São Joaquim do Monte, Tacaimbó, Taquaritinga do Norte, Toritama, Vertentes.

IX GERES

Municípios (11): Araripina, Bodocó, Exu, Granito, Ipubi, Moreilândia, Ouricuri, Parnamirim, Santa Cruz, Santa Filomena, Trindade.

Categorias
DestaqueNotícias
Redação/Ascom

Matérias de autoria independente (instituições e agências de notícias).

Comentários via Facebook

POSTS RELACIONADOS