Advogado é preso em flagrante por suspeita de importunação sexual de mulher em albergue em Boa Viagem

Compartilhe em sua rede social: Um advogado foi preso em flagrante, nesta sexta-feira (19), por suspeita de importunação sexual de uma mulher que estava hospedada em um albergue localizado...
Advogado é preso em flagrante por suspeita de importunação sexual de mulher em albergue em Boa Viagem
Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri) fica no Recife — Foto: Mônica Silveira/TV Globo
Compartilhe em sua rede social:

Um advogado foi preso em flagrante, nesta sexta-feira (19), por suspeita de importunação sexual de uma mulher que estava hospedada em um albergue localizado em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. Segundo a Polícia Civil, o homem frequentava o local. Ele é suspeito também de injúria contra a vítima.

Ainda de acordo com a polícia, o homem foi autuado em flagrante também por porte ilegal de munição e droga.

Por meio de nota divulgada na noite desta sexta, a polícia informou que a prisão foi efetuada por uma equipe da Delegacia do Turista, que fica no Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes/Gilberto Freyre, também na Zona Sul da cidade.

Ainda na nota, a corporação disse que o homem preso tem 38 anos. Ele não foi identificado. A mulher que fez a denúncia tem cerca de 20 anos e também não teve o nome divulgado.

Conforme a polícia, o homem é suspeito de ter importunado sexualmente a mulher no albergue, onde ela estava hospedada, “praticando ato contra ela e sem o seu consentimento, objetivando satisfazer a própria lascívia”.

A Polícia Civil manteve o nome do albergue sob sigilo. Informou que o homem estava com a droga “para o próprio consumo”, mas não disse qual o tipo de entorpecente.

O suspeito foi encaminhado para prestar depoimento do Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri), na Zona Oeste do Recife, e depois seguirá parava audiência de custódia.

A Justiça vai decidir se ele ficará preso ou se vai responder em liberdade. De acordo com a Delegacia do Turista, o caso começou a ser investigado pelo delegado Diogo Victor.

Estatísticas

No dia 15 de fevereiro, a Secretaria de Defesa Social (SDS) divulgou os dados sobre violência em Pernambuco, em janeiro de 2021.

A secretaria disse que houve uma redução de 6,86% no número de denúncias de violência doméstica e familiar contra a mulher em todas as regiões de Pernambuco, em relação ao mesmo período de 2020.

Em janeiro de 2021, foram registradas 3.818 denúncias, contra 4.099 no primeiro mês do ano passado.

Com relação aos registros de estupro no estado, a diminuição foi de 8,19%. Foram computadas 213 ocorrências do tipo em janeiro deste ano, contra 232 casos contabilizados no mesmo período em 2020.

Dos 25 assassinatos de mulheres ocorridos em Pernambuco em janeiro de 2021, nove foram classificados como feminicídios, quando a mulher morre por sua condição de gênero.

No primeiro mês de 2020, 21 mulheres perderam a vida de forma violenta, sendo oito casos em que a polícia apontou o feminicídio como motivação do crime. (G1)

Categorias
Notícias
Redação/Ascom

Matérias de autoria independente (instituições e agências de notícias).

Comentários via Facebook

POSTS RELACIONADOS