DestaquesPolítica

Ana Arraes critica neto João Campos e abre jogo sobre racha familiar

A ministra do TCU falou sobre as relações com João Campos, Marília Arraes, Antônio Campos e a viúva de Eduardo, Renata Campos.

Foto: Montagem/ Portal de Prefeitura
Espalhe por ai:

A ministra do Tribunal de Contas da União Ana Arraes, avó do pré-candidato a Prefeitura do Recife, o deputado João Campos (PSB) falou em entrevista, o racha familiar existente atualmente na relação entre as famílias Campos-Arraes.

Ana repudiou a fala do neto, no episódio em que João criticava o ministro da Educação, Abraham Weintraub e acabou atingindo o presidente da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), Antônio Campos, que é tio dele.

A ministra revelou que não está falando com o neto João Campos e que esperava desculpa por parte dele, depois de ter criticado o tio, Antônio Campos, de forma indireta, em plena Câmara dos Deputados, no dia em que os deputados federais estavam arguido o ministro da Educação.

A mãe de Eduardo Campos, revelou que passou até mesmo o Natal sem falar com o neto. “Falta de respeito na minha família não existe, eu não admito”, disse. Ao se referir sobre a fala de João que disse: “Eu nem relação eu tenho com ele. Ele é um sujeito pior que você”, se referindo ao tio, Antônio Campos

Antônio Campos revidou dizendo que “João Campos foi nutrido na mamadeira da Odebrecht”. Na briga com João Campos e Antônio, Ana Arraes disse que não repreendeu o filho pela reação, pouco diplomática. “Quem fala o que quer, ouve o que não quer”, afirma, antes de alguns risos.

Sobre fazer alguma avaliação sobre o primeiro mandato do neto, ou se ele estava preparado para ser prefeito do Recife, Ana disse que não iria fazer diagnóstico e que perguntasse a ele.

Marília Arraes

Sobre a neta, Ana diz que é um direito dela e que todos tem direito de disputar, mas o nome do ex-governador Arraes não pode ser usado sem critérios. Marília é neta de Miguel Arraes e prima de João Campos.

“Quero dizer que a origem política é minha. Eu sou filha de Arraes, eu sou mãe de Eduardo Campos. O nascedouro é meu!”, disse a ministra.

Antônio Campos

Ana Arraes evitou especular sobre as eleições em Olinda, onde Antônio Campos volta a ter o nome relacionado para a disputa. Em 2016, o filho chegou a disputar o cargo pelo PSB, mas não obteve sucesso. Ao falar da saída do filho do partido, Ana disse que “(Antônio Campos) foi traído mesmo, pelo PSB. Mas está cedo (para avaliações) vamos esperar mais um pouquinho”.

Renata Campos

Sobre a viúva de Eduardo Campos, a ministra preferiu não citá-la. “O legado de Arraes é tão explicito que, quando Eduardo Campos foi candidato (ao governo do Estado) eu também fui candidata (a deputada federal). Essa parte atual eu não tenho nada a dizer”, afirmou se referindo ao clima atual da família.

“Sou calma, meço o que vou fazer, mas quando eu faço, eu faço com muito zelo”, finalizou.

Portal de Prefeitura
Espalhe por ai:

Facebook Comments

Redação/Ascom

Deixe uma resposta