Blogs e ColunasDestaque

Santa Filomena – Lugar abandonado, sem comemoração do Dia das Crianças

Blog & Colunas

Toda narrativa é baseado nas publicações do site e noticiários regionais nos últimos quase três anos

No capítulo de hoje (17/10) vamos questionar o estado de abandono que se encontra a cidade de Santa Filomena-PE, diante da falta de ações pelo Poder Público Municipal que tem a frente o prefeito Cleomatson Coelho. A Prefeitura não promove as datas comemorativas, como foi o caso desse doze (12) de outubro, Dia das Crianças, que a cidade não promoveu se quer distribuição de bombons para as crianças carentes. Um verdadeiro estado de abandono.

Ao contrário do que não fez em Santa Filomena, a primeira dama (Samara) através de sua requintada loja de presentes e artigos para o lar em Ouricuri, distribuiu presentes para as crianças de famílias ricas da cidade onde mora ela e seu marido. A mulher que devia ocupar um espaço importante na área social da gestão, vive esbanjando riqueza na internet, e ainda se dá ao despojo de franquear donativos aos filhos de seus clientes, que frequentam uma determinada pizzaria, que há quem diga que também seja de propriedade do casal.

A cidade de forma geral não tem uma única obra construída pela atual gestão. E os poucos bens que a prefeitura adquiriu nos últimos anos, são provenientes de recursos federais e estaduais como alguns carros e máquinas entregues à Prefeitura.

De fato, o trabalho da Prefeitura de Santa Filomena é realizado a cada quinze dias através de estendidas falácias pelas ondas sonoras de duas (2) emissoras de rádio da região e nas envaidecidas matérias  de blogs contratados pela Gestão. E o prefeito ainda passa a maior parte do tempo, criticando o ex-prefeito e desclassificando populares opostos a sua gestão. Talvez porque lhe falte assunto para falar do que faz (?).

No próximo programa, o prefeito vai dizer que a gestão é uma maravilha porque paga os servidores em dia e que tem casas de apoio na Capital, em Petrolina e em Ouricuri. Mas vamos adiantar um questionamento: só as casas são suficientes para cuidar da saúde do povo de Santa Filomena? Porque esta redação já constatou através de vários depoimentos de pacientes e em visita às mesmas, que são apenas paredes. Faltam cereais alimentícios, material de limpeza e transporte com acompanhante aos hospitais. falta também ajuda financeira aos pacientes que vão a capital, que eventualmente recebem R$ 120 ou 150 uma vez ao mês, por viagem. Antes, o valor era de R$ 650 a 1.200 por viagem.

Por Charles Araujo00
CA BlogTV
o autorCA BlogTV

Deixe uma resposta