DestaquesEconomia

Marco Aurélio critica governo Paulo Câmara por aumento no preço do gás no estado

O reajuste médio é de 5,67% autorizado pela Agência de Regulação de Pernambuco (Arpe).

Foto: Roberto Soares/ Alepe
CHARLES ARAUJO | BlogTV

A autorização da Arpe para o aumento médio de 5,67% do gás da Companhia Pernambucana de Gás, anunciada semana passada , levou o líder da Oposição na Alepe, Marco Aurélio Meu Amigo (PRTB),  a criticar o governo Paulo Câmara, por não pensar no consumidor pernambucano, principalmente os mais necessitados.

“Mais uma vez o PSB mostrou que não se preocupa com a população pernambucana, aumentando o preço de um dos itens fundamentais, que é o gás. Vale a pena ressaltar que os ajustes na tabela não consideram as tarifas tributárias, ou seja, o aumento para o consumidor é ainda maior”, disparou o parlamentar.

Para Marco Aurélio a atitude do governo Paulo Câmara destoa do gesto adotada pelo Governo Bolsonaro, que anunciou a redução do preço médio do gás de cozinha para distribuidoras em 8,17%. “ Enquanto o governo federal, que tanto Paulo Câmara critica, fez um gesto aos mais necessitados, diminuindo o preço do gás, nosso estado é surpreendido com o aumento dele. Um lado mostra seu compromisso com o povo, enquanto o outro vive de propagandas e ignora as pessoas, principalmente os mais humildes”, disse.

De acordo com o parlamentar, o aumento da Copergás afetará diversos setores em todo estado, “a decisão afeta vários setores, da indústria ao comércio, e quem acaba pagando a conta é o consumidor. É mais uma atitude lamentável e sem justificativa deste governo”.

Fonte: Portal de Prefeitura

CA BlogTV
o autorCA BlogTV

Deixe uma resposta