Home Capa Mulheres superam câncer e mostram que amor da família é remédio no tratamento contra doença

Mulheres superam câncer e mostram que amor da família é remédio no tratamento contra doença

4 primeira leitura
2

No Dia Mundial de Combate ao Câncer, conheça a história de superação de duas moradoras de Palmas. Uma delas descobriu a doença quando estava grávida.

De onde tirar forças e vencer a luta contra o câncer? A bancária Luciana Batista, moradora de Palmas, descobriu o câncer de mama quando estava grávida da segunda filha. Contrariando a orientação dos médicos de interromper a gravidez, ela decidiu seguir adiante. Outra guerreira é a dona de casa Alice Lima, também moradora da capital, que se recupera da doença descoberta no ano passado. As duas mostram que a perseverança e o amor da família são remédios no tratamento. Conheça as histórias. (Veja o vídeo)

Esta segunda-feira (4) é o Dia Mundial de Combate ao Câncer e faz todo o sentido para essas duas mulheres. Luciana teve câncer há quatro anos e hoje celebra a conquista de ter vencido umas das doenças mais temidas.

“Eu estava em dois momentos distintos, algo que eu esperava e pedia muito a Deus e o outro, foi uma coisa que eu jamais esperava que iria acontecer comigo porque eu não fazia nem autoexame. Então, foi muito conflitante na minha cabeça. Mas como a gestação é algo muito sublime, muito maravilhosa. Eu decidi que iria me preocupar mais com a gravidez do que com o câncer”.

Luciana precisou ser forte, mas isso não foi possível o tempo todo. “O momento que eu fraquejei foi quando eu vi meu cabelo cair porque eu tinha cabelos grandes, bonitos e eu me vi careca. Aquele momento foi difícil, eu chorei muito”.


Mãe com câncer foi aconselhada a interromper gravidez — Foto: Reproducão/TV Anhanguera

O marido dela, o gerente de vendas Marcos Franca, disse que a persistência de Luciana e a vontade de ter a filha foram essenciais para que ela não deixasse de lutar. Tudo o que nós vivemos, que nós passamos juntos, a gente agradece muito a Deus porque a força de vontade dela de viver e ter a Manoela foi o essencial para estar onde estar hoje”.

A dona de casa Alice Lima também foi diagnosticada com câncer de mama. Ela é um exemplo de alegria e não esconde e nem regula o sorriso. Fácil e solta, a risada é quase um hino de vitória. “Não me abalei, nem nada, não chorei. Meu cabelo caiu, não chorei, fiquei numa boa. Toda vez que retorno [à médica] ela diz que eu estou bem, estou até engordando”, diz sorrindo.

Mas até chegar a esse ponto, foram meses de luta. Além da quimioterapia, ela precisou retirar a mama direita. Para ajuda na recuperação, a família fez uma campanha e com ajuda de amigos conseguiu montar um quarto do jeito que ela sonhou.


Mulher luta contra o câncer ao lado de companheiro — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Ela e o marido cuidam com carinho de cada detalhe. Aliás, é com a ajuda dele que Alice está vencendo a doença. O casal, que está junto há 32 anos, não abre mão de nenhum momento juntos. A luta contra o câncer mexeu também com a vida do garçom Aroldo Fernandes Guimarães.

“A gente muda de vida, a gente precisa passar por essa dificuldade, é a purificação. O ouro precisa ser purificado, passar pelo fogo, pela prova, para poder virar ouro. Então, precisa passar por isso para a gente aprender uma coisa tão simples, que é lavar um prato, que é fazer uma comida”.

Os dois não escondem o amor, que ajudou Alice a superar o câncer.

Do G1 Tocantins

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Charles Araújo
Carregar mais por Capa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja Também

Joselita e Dedé realizaram mais um Almoço de Ação de Graças no sítio Caramari

Joselita Oliveira e seu Dedé realizaram hoje (19), o vigésimo segundo Almoço de Ação de Gr…