Home Multimídia Artigos SERTÃO DO ARARIPE PODE TER A MELHOR ELEIÇÃO DOS ÚLTIMOS 20 ANOS

SERTÃO DO ARARIPE PODE TER A MELHOR ELEIÇÃO DOS ÚLTIMOS 20 ANOS

7 primeira leitura
4

POR DR. LEANDRO BENÍCIO


O Estado de Pernambuco aumentou pouco mais de 200 mil eleitores em comparação ao último pleito, possuindo atualmente 6.570.072 de aptos a votar.

Por outro lado, é evidente um menor interesse do eleitorado no atual cenário político, o que vem sendo demonstrado nas últimas pesquisas dos variados institutos, as quais demonstram variações na casa dos 20% (vinte por cento) de eleitores que dizem votar branco ou nulo.

Devemos destacar ainda que no Estado de Pernambuco mais de 7% do eleitorado é analfabeto, cerca de 460 mil eleitores, o que representa uma barreira ao voto em razão do grande número de candidatos que o cidadão deve escolher perante a urna eletrônica.

Com isso, numa análise superficial do assunto e num contexto de probabilidade, ainda considerando os votos brancos e nulos dos últimos pleitos, podemos apostar num percentual de pelo menos 28 pontos de brancos, nulos e abstenção em Pernambuco, o que resultaria em – aproximados – 4.700.000 votos válidos para Deputados Federal e cerca de 4.500.000 votos válidos para Deputado Estadual.

Diante desse quadro, é bastante provável que o quociente eleitoral (divisão do número de votos válidos pelo número de lugares a preencher – 25 para Deputado Federal e 49 para Deputado Estadual) permaneça o mesmo do pleito de 2014 ou, ousamos dizer, até mesmo inferior. Naquele pleito, a cada 94.000 votos uma coligação elegia um Deputado Estadual e a cada 179.000 votos elegia um Deputado Federal.

Isso não quer dizer, contudo, que o quociente partidário seja o mesmo. Isto é, no atual pleito houve uma maior pulverização de candidaturas e de coligações. Para se ter uma ideia em 2018 são cerca de 40% a mais de candidaturas em Pernambuco o que, somado a um maior número de coligações (chapinhas como são chamadas as menores) resultará, certamente, numa votação menor para eleger um Deputado em Pernambuco.

Soma-se a isso, o fato da campanha está menor (apenas 45 dias) e o fato de se ter acabado o financiamento empresarial de campanha, forçando os candidatos a concentrarem-se mais em suas regiões, o que facilitará a eleição de representantes em todas as microrregiões do Estado e eleitos em todas as coligações.

No caso específico do Sertão do Araripe, pela primeira vez existe a possibilidade da eleição de um Deputado Federal. É que Araripina desponta com dois candidatos, ambos da mesma coligação: Evandro Alencar e Nunes Rafael. Ambos são da Coligação Avança Pernambuco que tem 39 candidatos a Deputado Federal, com chances de eleger um deles, sendo o mais conhecido apenas o candidato Luciano Bivar.

Assim, se Evandro Alencar ou Nunes Rafael surgirem como primeiro lugar da coligação, independentemente do número de votos, provavelmente será eleito Deputado Federal.

Com um maior número de candidaturas e também de vagas, situação mais favorável para o Araripe é a dos candidatos à Assembleia Legislativa de Pernambuco. Identificamos que os principais candidatos da região estão divididos em cinco coligações todas certamente com candidatos eleitos em 07 de outubro.

Da Cidade de Trindade, o candidato Lamarth Piancó – AVANTE encontra-se na coligação o Pernambuco Que Você Quer, composta por 72 candidatos, com vários evangélicos como candidatos e nomes conhecidos, como por exemplo, Zé Queiroz e Jaime Asfora, tornando-se assim uma coligação viável para candidaturas de menor porte.

De Araripina, destacam-se as candidaturas de Socorro Pimentel – PTB, Roberta Arraes – PP e Dr. Aluízio – PSC, este último do mesmo partido e coligação do candidato Antônio Fernando de Ouricuri.

Socorro Pimentel está na principal coligação da oposição ao atual Governador, denominada de Pernambuco Vai Mudar Com Seus Deputados Estaduais, a qual conta com 65 candidatos, sendo 5 deles concorrendo à reeleição. Trata-se de uma coligação na qual se exigirá um maior número de votos. Contudo, dispõe de um tempo razoável de propaganda partidária e possui nomes influentes na política estadual. A atual Deputada Socorro Pimentel tem em seu favor ainda o seu esposo, Prefeito de Araripina e ex-deputado Raimundo Pimentel, bem como apoio de outros prefeitos e ex-prefeitos na região.

Já a deputada Roberta Arraes que migrou do PSB para o PP, encontra-se na coligação Pernambuco em 1º Lugar, a qual conta com 80 candidatos a Deputado Estadual, o que não representa muito se se considerar que possui 17 candidatos à reeleição, o que eleva o grau de dificuldade para a Deputada Araripiana.

Por sua vez, o candidato Dr. Aluízio do PSC, também de Araripina, pertence à Coligação Juntos Por Um Pernambuco Melhor Para Deputado Estadual, a qual também pertence o candidato de Ouricuri Antônio Fernando do mesmo partido. A referida coligação possui 63 candidatos com possibilidade de ganhar até quatro vagas, com destaque para o filho de Guilherme Uchoa.

Ainda em Ouricuri, desponta o candidato Dr. Anderson Aquino – PCdoB, partido que não fez coligação, mas possui 60 candidatos com destaque para o ex-prefeito do Recife, João Paulo, o qual se adquirir uma grande votação pode eleger até mais dois candidatos.

Uma das maiores cidades do interior de Pernambuco, Ouricuri há mais de duas décadas não tem um representante na Assembleia Legislativa, agora tem chance real de eleger dois deputados estaduais. Já o Sertão do Araripe tem a chance de eleger seu primeiro deputado Federal. Vamos torcer. Boa eleição a todos.

 

DR. LEANDRO DA CONCEIÇÃO BENÍCIO

Especialista em direito eleitoral. Bel em Direito pela UNICAP

 

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Charles Araújo
Carregar mais por Artigos

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja Também

Reunião na Câmara de Dormentes nesta sexta (14). Veja a pauta

A Câmara Municipal de Dormentes-PE, Casa Senador Nilo Coelho, reunirá os senhores vereador…